Bolsonaro fica furioso com Mourão e diz que seu representante não conhece a Constituição

Bolsonaro fica furioso com Mourão e diz que seu representante não conhece a Constituição

Quando ele foi educado do discurso de Mourão, a possibilidade PSL para a administração utilizou o Twitter para se posicionar contra o general

A possibilidade de PSL para o Planalto, Jair Bolsonaro, ficou irritada com os anúncios do mau hábito em seu chapa, general da titularidade Hamilton Mourão, que repreendeu a prestação do décimo terceiro pagamento e de acréscimo de excursões.

Quando ele foi educado do discurso de Mourão, Bolsonaro utilizou o Twitter para posicionar-se contra o general e incentivar os parceiros a salvaguardar o trabalho garante. Na mensagem, Bolsonaro propôs que Mourão não conhece as diretrizes sagradas.

“O décimo terceiro pagamento do trabalhador é acomodado no Artigo 7 da Constituição em uma parte das condições (que não podem ser sufocadas até mesmo por uma Proposta de Emenda à Constituição)”, ele compôs. “Examiná-lo, além de ser uma ofensa aos indivíduos que trabalham, admite não conhecer a Constituição”, ele incluiu.

Nas principais discussões com os indivíduos sobre essa cena, Bolsonaro novamente protegeu que Mourão se afastasse do investimento nas ocasiões abertas. Uma semana atrás, o mau hábito do candidato presidencial acabara de ser aconselhado a suspender seu plano depois de dar outras declarações disputáveis.

Antes, em discurso na Câmara de Lojistas de Uruguaiana (CDL), no Rio Grande do Sul, Mourão afirmou que o décimo terceiro pagamento e a parcela de excursões extras são “jabuticabas”, ou seja, apenas ocorrem no Brasil.

“Temos algumas jabuticabas que sabemos que são uma mochila para cada empresário”, disse ele. “Os brasileiros são o principal local onde os indivíduos tiram algum tempo e ganham mais”, ele incluiu.

“Estas são as nossas coisas, a promulgação que existe, a visão social com a tampa dos outros e não a administração”, disse o agente de Bolsonaro.

Leave a Comment